Tag Desabafo - Criei expectativas


Infelizmente por alguns motivos eu acabei não cumprindo o que prometi a vocês leitores e a mim mesma, em relação a ativar novamente o blog - porem hoje resolvi acordar cedo e quando abri meu email me deparei com um desabafo de uma leitora o qual me fez repensar e me deu forças para tentar mais uma vez - afinal, eu adoro esse espaço só estou precisando me livrar da preguiça rs.

Nesse desabafo vou chamar nossa amiga de Thais, no email que recebi dela a mesma me passou o link de seu blog - mas acredito que é melhor não divulgar, se ela se sentir a vontade a mesma pode comentar aqui.

Oi! Meu nome é ---, tenho 17 anos e ando num conflito comigo mesmo já faz alguns meses e ando sem saber o que fazer. Estava a procura de algum blog que me desse o meio de poder falar um pouco sobre o que tenho passado, e quando encontrei seu blog, os desabafos antigos, imaginei que talvez você pudesse me ajudar. Ano passado eu ainda estava no colégio quando um garoto apareceu, me apeguei facilmente a ele, passei a gostar dele, meu amigo não gostou tanto da ideia e disse pra mim não deixar que isso acontecesse. Durante os meses eu tentei me declarar pra ele diversas vezes, ele se afastava de mim, me ignorava, e quando eu finalmente parei de dar moral pra ele, que ele veio a passar a gostar de mim - pelo menos foi o que eu achei. - Ele sempre foi muito amigo meu, falávamos de tudo um pouco, amávamos as mesmas coisas. Sempre saímos juntos, até que ele passou a frequentar a minha casa, conversar com a minha mãe e com todos da minha família como se nos conhecêssemos há anos. Numa dessas vindas em casa, ele resolveu pedir pra mim ficar com ele sabendo é claro que eu gostava muito dele, e que eu queria aquilo. Só que pelo fato de eu viver numa casa cheia de gente não tive a chance e ele acabou não entendendo, não me dando a oportunidade de explicar pra ele, como também se afastou de mim, passou a falar pouco comigo e o pouco que falava ficava me cortando. Parou de falar com o meu amigo também, e quando nos encontramos na rua no final do ano ele mal olhou na minha cara, o que me deixou chateada demais e depois disso fiquei tentando imaginar "O que eu fiz?" Nunca tive respostas, mas o irmão desse meu amigo, sempre que vou na sua casa, vive dando indiretas, falando sobre esse guri, me fazendo imaginar coisas, cheguei a adicionar no Facebook esse garoto que eu gostava de novo pra saber se ele falaria comigo, mas pelo contrário. Ele sempre que me vê online ele foge, minha mãe não sabe muito bem o que houve entre a gente, tenho medo de falar, mas ela diz pra mim não ficar chateada, é melhor não ir atrás, mas eu só preciso limpar a minha mente. Por que eu me sinto culpada, extremamente chateada em ver que, tudo estava bem entre a gente e agora ele não chega nem perto de mim. Eu ainda gosto muito dele, quando resolvi pedir desculpas e falar pra ele me escutar, ele pediu pra mim não encher o saco por que ele só queria amizade. No natal eu mandei mensagem pedindo desculpas e desejando feliz natal pra sua família, no meu aniversário o meu amigo disse pra ele que vimos ele no centro, e ele disse que não tinha como falar parabéns pra mim por que estava sem crédito, sem internet, ele sabe meu endereço. Por isso, quero muito a ajuda de vocês, desculpa o texto enorme, resumi muita mas acho que ficou grande ainda, espero que me desculpem e me ajudem também, preciso resolver a minha vida o quanto antes, já que ele só tem me atrasado. Beijos e sucesso!

O primeiro passo Thais é ser realista com sigo mesma, sabemos que é um passo difícil, porem o difícil não significa impossível. O que eu percebo é que ele não corresponde o mesmo sentimento que o seu, as atitudes que ele teve com você é bem comum em meninos que tem a alto estima elevada - ou seja, no momento em que você deixou de se importar ele sentiu falta, mas a falta que ele sentiu não foi de você como pessoa e sim das suas atitudes que faziam o ego dele se elevar. Outra ponto que quero ressaltar é o momento em que você diz se sentir culpada, e eu te pergunto.. culpada porque?

Esse garoto deveria se sentir orgulhoso, ao invés de virar a cara para você. Quando existe sentimento Thais, a pessoa adquiri automaticamente a sensibilidade de entender o outro e principalmente a respeito-lo. 

Se você não se sentiu a vontade de ficar com ele em frente aos seus familiares, o minimo que ele deveria ter feito era procurar entender os seus motivos. Você não é a primeira e nem a ultima garota que vai se sentir envergonhada de se "relacionar" na frente de outras pessoas, isso é normal, e além de ser normal é a melhor escolha. 

Um exemplo sou eu mesma - namoro a um ano e seis meses, e não me sinto confortável de ficar me "agarrando" na frente dos outros, não é preciso se expor a todo momento, até porque o mais importante em um relacionamento é os dois saberem o que um sente pelo outro, não é preciso deixar isso explicito. 

É difícil aceitar, mas o que da a entender é que em momento algum ele pensou nos seus sentimentos, ele foi individualista pensou apenas em si mesmo. Levou a situação como um jogo, onde no começo ele estava comandando, a partir do momento que você deixou de se importar, ele não entendeu o porque e tentou mostrar a ele mesmo que se fosse atrás conseguiria novamente. O fato é que vocês dois estavam com expectativas totalmente opostas - ele querendo provar pra si mesmo que conseguiria os seus sentimentos por ele novamente, e você esperando que daquelas conversar, daquele momento sairia muito mais do que um simples beijo, ou seja, para você não custava esperar um pouco mais, e já no caso dele, o mesmo queria apenas naquele momento provar pra si mesmo que é capaz. E você ao recusar frustou o ego dele, e quando percebeu que você é diferente das outras garotas, ele se assustou. Isso costuma acontecer com garotos que nunca ouviram um NÃO

Entenda Thais, se não aconteceu e se ele não soube dar valor aos seus sentimentos o melhor é se focar em outras coisas, e ir esquecendo ele aos poucos, se Deus não permitiu que acontecesse é porque la na frente alguém muito melhor te espera, ou quem sabe até ele mesmo, porem com um olhar diferente, entendendo que você não é garota para uma noite só. E não esqueça de se valorizar em primeiro lugar, não corra mais atrás, ele mesmo deixou claro que só quer sua amizade, se esse sentimento mudar é ele quem vai precisar correr atrás do prejuízo. 


Se você assim como a Thais deseja desabafar, ou tem duvidas sobre algum assunto e deseja esclarecer, vem conversar comigo - É só mandar a sua história, AQUI. Espero ter ajudado a Thais.

4 Comentarios

Carolina Neto

belo desabafo

fashionpassionomg.blogspot.com

Responder
Taina Furquim

Nossa, você não sabe o quanto mudou meus pensamentos após esse desabafo. Estava precisando falar com alguém sobre isso tudo, e por mais que eu já tenha contado não tinha tido a resposta esperada! Espero esquecer ele, seguir em frente é o que eu estou fazendo, só espero que, quando eu ver ele e ouvir ele falar comigo eu não desabe. Em fim, obrigada!! <333

Responder
Stefanie Ferraz

VOCÊ VOLTOU!!! UHUL, NÃO SOME DE NOVO NÃO!!!!

Responder
Fanzine Episódio Cultural

APRESENTAÇÃO

Olá querida, tudo bem? Meu nome é Carlos Roberto de Souza. Sou poeta mineiro e louco por Cultura. Em 2008 eu lancei meu primeiro livro de poemas e contos intitulado (O ANJO E A TEMPESTADE /ED. Nelpa), mas com uma tiragem baixa.
Se você quiser manter contato acesse:

SKYPE: tarokid18
TWITTER: https://twitter.com/#!/episodiocultura
FACEBOOK: http://www.facebook.com/carlosroberto.desouza.7?ref=tn_tnmn
Minha revista: http://www.youtube.com/watch?v=WEpox-M6zyw
Minhas Obras: http://www.youtube.com/watch?v=5gyGLdnpuvQ

Responder
:a: :b: :c: :d: :e: :f: :g: :h: :i: :j: :k: :l: :m: :n: